quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Lampejo primeiro



Um cheiro de roupa limpa, de alvorada, de recomeço em dia de sol. Precede o suspiro do relógio uma canção revigorada. Mais um ano bate à porta. Passo a mão na saudade que visto e vou abrir: eis novas memórias saudosas à espera de vivências. 

Nenhum comentário: